Como rankear melhor no Google?

SEO

Quando o assunto é atrair novos clientes ao site, SEO pode ser uma excelente estratégia para a sua loja rankear melhor no Google, pois mais pessoas vão ter acesso ao seu negócio, por isso, hoje vou te ensinar o básico sobre este assunto, vem comigo?

Quem tem o Google é rei

Quando o assunto é SEO, o Google é o verdadeiro protagonista. A empresa, de acordo com a GS Statcounter, tem 92% marketing share em todo o mundo. E no Brasil, o domínio do Google é ainda maior, segundo a mesma pesquisa, 97% do marketing share é da empresa.

Só para se ter uma ideia, de acordo com dados da Search Engine Land, são feitas aproximadamente 63 mil buscas por segundos, todos os dias, nos mecanismos de busca do Google.

Leia também: Por que você deve fugir das métricas da vaidade?

Como rankear melhor no Google?

Segundo dados do próprio Google, a organização possui mais de 130 trilhões de páginas indexadas em seus servidores. Com isso, surge um desafio para pequenos e grandes empreendimentos: como rankear melhor no Google diante de tanta competitividade?

A resposta é a seguinte, hoje é essencial ter boas práticas de SEO. E para tal, algumas ações são necessárias, tais como: conteúdo único e de alta qualidade, velocidade de carregamento, relevância, autoridade do site, uso das palavras-chave certas, mobile-friendly, entre outros fatores.

O principal objetivo do Google é trazer conteúdo relevante ao usuário e,para tal, os conteúdos precisam estar alinhados com a busca dos usuários, há um trabalho árduo por trás da organização em criar mecanismos para selecionar e categorizar estes conteúdos.

E não basta o conteúdo estar alinhado ao que o usuário busca, elementos como semântica, concordância, localização e histórico de busca também são critérios extremamente importantes.

Como verificar os dados de SEO do seu site? Com o Google Analytics, você tem acesso a um panorama completo com os resultados das suas estratégias e, com isso, você entende melhor o comportamento dos usuários do seu site e/ou aplicativo, para avaliar melhor o desempenho de marketing, conteúdo e mais.

Com o Analytics, você recebe insights do Google para aproveitar os dados ao máximo. Esta plataforma de dados é perfeita, pois trabalha em conjunto com Google Ads, Google Optimize, Search Console e Data Studio. Não tem como ser mais completa, não é mesmo?

E o melhor, você sabia que a versão gratuita do Analytics é perfeita para pequenos, médios e até grandes sites? O Google disponibilizou um modelo gratuito para quem está começando no digital.

E se você está se perguntando, Milena: “Precisa disso tudo, mesmo com os avanços de inteligência artificial do Google? A resposta é sim, a alta concorrência exige estratégia e conteúdo de qualidade. Antes de produzir qualquer tipo de conteúdo é essencial saber quem é a persona a ser atingida, não pode dar bobeira, hein.

Conteúdo de qualidade não é tudo, o SEO é a prova disso, há inúmeras estratégias para você se consolidar na web e, claro, entrar no radar do usuário. Quem deseja rankear melhor no Google não pode ter medo de colocar a mão na massa.

Agora que você já sabe por que é essencial ser estratégico para que o seu negócio possa rankear melhor no Google, converse comigo, posso te ajudar a se destacar no Google.

Como conquistar clientes com anúncios de 6 segundos no YouTube

bumper_ads

Você talvez nunca tenha ouvido falar em “Bumper Ads”, mas provavelmente já passou por eles. Sabe aqueles anúncios de 6 segundos que rodam antes de vídeos no YouTube e não podemos pular? Esses são os bumper ads, que podem ser muito eficazes pra sua marca.

Esses anúncios são maneiras rápidas e de baixo custo para se comunicar em tom certo com o público, seja para divulgar um novo produto ou serviço e gerar atenção para a marca (brand awareness). Alcance e visibilidade são suas maiores vantagens.

Vou te falar hoje por que esses anúncios de 6 segundos no Youtube são uma boa ideia para o seu negócio e principalmente o que você precisa saber antes de fazer os seus.

As vantagens dos Bumper Ads

Rápido e eficaz

“Grande impacto com histórias pequenas”, esse é o lema que o Google dá aos Bumper Ads, que existem desde 2016. De fato, mensagens rápidas e eficazes acompanhadas de imagens atraentes são capazes de criar anúncios incríveis e marcantes.

Como o usuário não pode pular esse tipo de anúncio, a marca e sua mensagem ressoam entre o público-alvo para ficar marcadas rapidamente. Por isso, é importante ter um bumper ad bem elaborado – falarei sobre isso daqui a pouco.

Bumper ad da fabricante de veículos Mercedes-Benz. A marca brinca com o tempo que o veículo leva para chegar a 100km/h e a velocidade do próprio anúncio.

Custo baixo

Outra vantagem gigante dos bumper ads é o seu baixo custo, já que o Google usa o modelo de cobrança “cost-per-impression” ou “Custo por impressão”. Nesse caso, a marca dona da campanha só é cobrada cada vez que o vídeo atinge +1000 visualizações. Também é possível estipular limites diários no orçamento para não gastar mais que o pretendido. De toda forma, esse método costuma trazer excelente custo-benefício.

Essa economia pode estar na própria produção do anúncio: uma combinação de imagens e GIFs com frases, por exemplo, já pode criar um bumper ad eficiente.

Compatível com o usuário

O formato dos bumper ads valem a pena pois são compatíveis com a maneira que os usuários consomem vídeos hoje em dia: rapidamente e com preferência ao mobile. E mesmo com usuários querendo conteúdos longos, ganham as marcas que conseguem surpreender em anúncios de 6 segundos e dizer muito com pouco, sem atrapalhar a experiência dos consumidores nas plataformas.

Leia também: Como deve ser o mundo pós pandemia?

Bumper ad da fabricante de automóveis Nissan anunciando um novo veículo

Como criar bons anúncios de 6 segundos

Para bumper ads eficazes que criam brand awareness e fazem valer o investimento, algumas diretrizes simples precisam ser seguidas na hora de produzir o vídeo de anúncio.

Simples e objetivo

Quem tenta dizer muito em anúncios de 6 segundos no Youtube acaba dizendo nada. Por isso, é importante criar o bumper ad com um objetivo claro e falar através de algo simples e direto.

Isso não quer dizer que a mensagem será vazia. Basta escolher exatamente o foco da mensagem. Por exemplo: no caso de uma fabricante de móveis que quer divulgar uma nova linha de produtos, o vídeo pode dizer e mostrar rapidamente a origem da inspiração para o design, ou, focar na durabilidade dos materiais. Falar das duas coisas no mesmo anúncio, porém, já seria demais em tão pouco tempo.

Evite exageros

Para deixar simples e objetivo, evitar exageros é essencial. Em um anúncio de 6 segundos, ter vários frames com várias palavras voando na tela pode distrair facilmente da mensagem principal. Por isso, o mínimo é o melhor caminho aqui.

Comece impactante

Mesmo sem poder pular o anúncio, o usuário só vai prestar atenção nele se for impactante. Por isso, ganham os bumper ads que já iniciam chamando atenção, seja pela música, frase ou imagem.

Crie materiais originais

Muitas marcas têm um grande acervo de vídeos e anúncios que podem pensar em reaproveitar, e é melhor não fazer. Bumper ads de sucesso são estratégicos no aproveitamento do tempo, e por isso são criados especialmente para essa finalidade.

Como veicular bumper ads?

Com seu vídeo de anúncio pronto e perfeito, seguindo todas as indicações acima, a parte mais fácil é subir ele para o Youtube e começar a campanha. Para não deixar esse texto muito longo, vou sugerir a leitura deste breve tutorial do Google. Não tem erro!

Viu só como é possível impactar o público com anúncios de 6 segundos no Youtube? É claro que os bumper ads devem fazer parte de uma estratégia mais ampla da marca para serem eficazes, estratégia essa elaborada por quem entende dos segmentos e ferramentas.

Então, quer criar visibilidade para sua marca em poucos segundos da forma certa? Preencha o formulário no fim desta página que eu vou te ajudar!

Google Meu Negócio: a ferramenta gratuita da gigante da internet

Google Meu Negócio

Aparecer no Google é (ou deveria ser) o sonho de qualquer empreendedor. Afinal, o maior buscador da internet está nas casas dos trilhões de termos procurados por dia! É muita coisa, né?

E se há um grande volume de pessoas, também há grandes oportunidades para empreendimentos que aparecem nos resultados de busca. Por isso o Google é tão desejado em termos de marketing e é onde encontram-se os maiores investimentos em anúncios, dos pequenos aos grandes negócios.

Mas e se eu te disser que existe uma maneira de aparecer de graça no Google? É justamente sobre isso que vamos falar no conteúdo de hoje, em que vou te apresentar o Google Meu Negócio.

O que é o Google Meu Negócio?

Lembra antigamente quando alguém precisava buscar o telefone de algum estabelecimento e recorria às famosas páginas das listas telefônicas? O Google Meu Negócio funciona como uma espécie de catálogo, mas obviamente mais moderno e com muitas funções.

A ferramenta gratuita do Google permite que empreendedores possam cadastrar seus estabelecimentos para aumentar sua exposição online e fazer com que mais pessoas encontrem os serviços ou produtos com que a empresa trabalha.

Dessa forma, se alguém está buscando por “material de construção em Curitiba”, por exemplo, o Google Meu Negócio irá exibir os resultados mais pertinentes para aquele usuário, considerando sua localização e alguns outros fatores. Se sua empresa oferece esse serviço e estiver cadastrada na plataforma, haverá uma grande chance do usuário encontrar o seu site, número de telefone ou produtos e serviços.

E você pode conferir mais detalhes dessa e outras estratégias nesse Artigo.

Além dos resultados nas buscas, o Google Meu Negócio também permite que a sua marca apareça no Google Maps. Dessa forma, quando alguém estiver navegando pelo aplicativo poderá encontrar sua empresa lá também.

Os segmentos mais buscados pelo Google Meu Negócio

Há empresas de absolutamente todos os segmentos cadastradas no Google Meu Negócio, o que torna o espaço um ambiente super democrático e acessível aos pequenos negócios. Para que você possa ter ideia de alguns números da ferramenta, listei abaixo os principais segmentos e o volume de busca mundial de cada um deles, de acordo com o próprio Google.

  • Pesquisas por restaurantes: 5 bilhões
  • Pesquisas por hotéis: 3 bilhões
  • Pesquisas por lojas de roupas: 1 bilhão
  • Pesquisas por salões de beleza: 600 milhões
  • Pesquisas por cafeterias: 5 milhões

Principais vantagens do Google Meu Negócio

Você no controle das informações e da credibilidade

Sabendo que o Google Meu Negócio é uma ótima porta para novas oportunidades, ninguém vai querer observar informações erradas sobre a sua marca, né? Imagine que você está atraindo um bom público na página da sua marca no GMN mas o endereço está errado? Isso só vai dar dor de cabeça!

Eu digo isso porque alguns estabelecimentos podem surgir no Google Meu Negócio ocasionalmente criados por usuário da plataforma, assim você terá que assumir a propriedade.

Com a propriedade em mãos ou caso você mesmo tenha criado, terá a chance de otimizar os recursos da ferramenta. Além disso, de acordo com o Google, “as empresas que confirmam as informações com o Google Meu Negócio têm duas vezes mais chances de serem consideradas confiáveis pelos consumidores”

Com isso, preencha corretamente dados como:

  • Telefones
  • Site
  • Horário de funcionamento
  • Endereço

E mais.

Com uma conta confirmada e bem gerenciada, os usuários terão muito mais confiança ao encontrar os dados da sua empresa online.

Foco na interação com os clientes

Agora que seus clientes já podem encontrar suas informações online, chegou a hora de dar o próximo passo para construir uma boa reputação online no Google Meu Negócio, e não há melhor maneira do que fazer isso interagindo com os usuários.

Um dos principais atributos da ferramenta é permitir que usuários possam avaliar e criar depoimentos sobre as empresas, ajudando outros usuários na tomada de decisão. Por isso, fique sempre atento aos comentários feitos pelos clientes, busque responder educadamente todas as observações, até mesmo as críticas, isso fará com que outros usuários vejam como você se importa com os clientes.

Além dos comentários, os clientes também podem inserir fotos do seu negócio da ficha da sua empresa no Google Meu Negócio. Mas convenhamos que ficaria chato algum usuário entrar na página da sua empresa e observar que somente outros usuários adicionaram fotos, né?

Por isso, sugerimos que você também inclua fotos do estabelecimento para que os usuários conheçam a estrutura do seu negócio. Outra vantagem dessa prática é que “as empresas que incluem imagens nos perfis recebem 42% mais solicitações de rota no Google Maps e 35% mais cliques de acesso ao site do que as que não adicionam.”

Entenda o comportamento do seu público

Outro interessante ponto do Google Meu Negócio está na oportunidade conhecer um pouco mais o público que chega até os dados da sua empresa. A própria ferramenta oferece alguns dados analíticos para que você enxergue como está sendo o desempenho da sua ficha online.

Esses dados são muitos valiosos na hora de planejar as suas ações online. Com o Google, você pode observar quantas pessoas ligaram para o seu telefone a partir do número exibido na página, poderá ver quais são os termos que fizeram com que as pessoas chegassem até o seu negócio e muito mais.

Isso dá uma grande base para você entender o que pode estar dando certo e o que pode estar dando errado. Se as pessoas estão chegando até o seu negócio por termos que não representem a sua empresa,  está na hora de fazer algumas mudanças.

Se o número de ligações está baixo, talvez você possa dar mais prioridade ao site ou WhatsApp, por exemplo.

Essas configurações básicas do Google Meu Negócio permitem que você obtenha um bom desempenho no ambiente online.

Gostou das dicas? Aproveite para deixar seu comentário e continue acompanhando meu blog para mais dicas de marketing digital!

Quer estar um passo à frente da concorrência? Aposte em sites Mobile First!

mobile first

A criação de um site é um dos primeiros aspectos a ser considerado por uma marca ou empresa, certo? Bem, pelo menos deveria ser, afinal, os sites são uma das melhores maneiras para marcar presença no ambiente digital, oferecendo a possibilidade de atuar como uma vitrine dos seus produtos ou serviços. Um site é o SEU território na web, um local sobre o qual você tem total controle no ambiente digital.

Faz muito tempo que o site passou a ser o básico do marketing digital, mas de alguns anos pra cá ele tem ganhado ainda mais expressão, isso graças às técnicas de SEO e as atualizações de algoritmo do Google, o maior buscador da internet.

Isso significa que sites não devem mais servir apenas como uma página online esquecida, mas devem servir como um elemento crucial na sua estratégia de marketing online. Não basta “ter um site”, ele tem que ser “indexável” e oferecer uma boa experiência ao usuário. E, como dizemos no mercado, “o que é bom para o usuário, é bom para o Google”.

Por isso, hoje eu quero falar um pouquinho mais sobre o conceito de mobile first para sites e como isso pode ajudar o seu negócio.

O que é Mobile First?

Mobile First consiste na criação e desenvolvimento de sites pensados primeiro para o ambiente mobile, como o nome já sugere. Isso significa que do mobile serão feitas as adaptações para outros dispositivos, como o desktop, por exemplo. O conceito foi desenvolvido entre 2009 e 2010 pelo Diretor de Produto da Google, Luke Wroblewski.

Normalmente acontece o oposto! Empresas criam sites pensando no desktop e depois fazem adaptações para mobile, mas isso tende a mudar. Por quê? Bem, comece considerando que no Brasil temos uma população de 210 milhões de pessoas e 230 milhões de smartphones

mobile

A importância do Mobile First

Você sabia que o celular já é a principal tela dos usuários desde 2014? Isso é bastante tempo! Seis anos atrás o brasileiro já passava 149 minutos por dia em seus smartphones, contra 113 minutos na TV.

Logo, era de se esperar que as atenções fossem voltadas cada vez mais para os celulares, e não foi diferente, não demorou muito para que os aparelhos mobile passassem a ser mais valorizados no ambiente online.

De acordo com o relatório da GSMA, o Brasil é o país mais conectado da América Latina. Por aqui foram contabilizados mais de 234 milhões de conexões até 2017. Junto a isso, podemos considerar o grande aumento do tráfego de dados por aparelhos celulares, com significantes 50% de crescimento ao ano.

Acho que já deu pra compreender que tem MUITA gente online pelos celulares, né? Ou seja, muito mais oportunidade de você alcançar essas pessoas, se tiver a estratégia correta.

Mas afinal, como o Mobile First pode ajudar o seu Negócio?

Olha só, em março de 2018 o Google anunciou que sites com o conceito Mobile First teriam e indexação e rankeamento privilegiados. Ou seja, os sites pensados antes para dispositivos móveis terão mais chances de rankeamento e podem se destacar nos resultados de busca.

E aqui vai outro dado interessante para te convencer da importância de estar bem rankeado! Os três primeiros resultados de pesquisa no Google recebem 75,1% de todos os cliques. Viu só? Se o seu site não estiver bem posicionado ele pode não receber tantas visitas, o que pode impactar consideravelmente nas suas estratégias de marketing digital.

Além disso, os sites Mobile First oferecem a melhor experiência para o usuário. As principais informações são exibidas de uma forma correta e agradável, fazendo com que o visitante encontre mais fácil e rápido o conteúdo que deseja no seu site.

Apostando no conceito de estruturação para dispositivos móveis primeiro, sua marca ou empresa também poderá estar no pioneirismo do setor, já que o conceito ainda é inovador e não são todos os empreendedores que se preocupam com isso. Logo, você terá maior credibilidade junto aos consumidores e ao próprio mercado, mostrando que se preocupa em proporcionar uma boa experiência digital ao visitante.

E por fim, mas não menos importante, aplicações Mobile First tendem a ser mais rápidas e leves, dessa forma o usuário não perde muito tempo aguardando resposta do site.

Viu só? Uma simples estratégia de estruturação de site pode fazer a diferença na sua estratégia de marketing! J

SEO para negócios locais: um importante aliado na sua estratégia de Marketing

SEO local

Se você é dono de um comércio na região em que mora, certamente está sempre em busca de novos clientes, certo? Seja para uma loja, um restaurante ou até mesmo consultórios, o SEO Local é uma estratégia de captação de clientes que leva em consideração a localização do negócio e a necessidade do cliente que busca por aquele produto ou serviço.

Essa é uma ótima opção para conseguir atrair novos clientes e dar mais visibilidade ao seu estabelecimento. Por isso, hoje quero falar um pouquinho com você sobre SEO Local, vamos lá?

O que é SEO Local?

O SEO Local é uma estratégia de marketing que tem como objetivo otimizar a entrega de resultados de determinado comércio nos motores de busca (Google, Yahoo, Bing). Nesse caso, levamos em consideração a geolocalização e outros elementos. 

Vamos imaginar que um cliente queira presentear a sua esposa com um buquê de flores. Qual vai ser a primeira atitude dele? Buscar por floriculturas na sua cidade, de preferência próximas à sua residência ou local de trabalho.

Portanto, quando esse mesmo usuário realizar a sua pesquisa nos motores de busca, a floricultura que estiver melhor posicionada terá muito mais chances de receber cliques e consequentemente realizar mais vendas.

Como o Google enxerga o seu negócio?

Nesse momento eu vou usar o Google como exemplo de buscador pela sua grande liderança no segmento, mas o conceito vale para todos os demais motores de busca, ok?

Todas as pesquisas feitas no Google passam por uma série de algoritmos para que a plataforma entregue os melhores resultados, considerando os termos que o usuário buscou e sua possível intenção com aquela busca.

No caso do SEO Local os algoritmos ficam ainda mais apurados, uma vez que o Google tem a intenção de oferecer a melhor experiência. E é nesse ponto que nós vamos focar!

Usuários possuem maneiras diferentes de realizar uma busca.

> Alguns preferem pesquisar por “restaurantes perto de mim”.

> Enquanto outros podem buscar  “restaurantes em Curitiba”.

A partir dessa busca é que o Google irá analisar o seu negócio e verificar a relevância dele, para então decidir se entrega ou não o resultado para o usuário.

E as buscas não se limitam aos moradores da cidade somente. Considerando que a geolocalização é um dos principais fatores para o SEO Local, o Google identifica onde o GPS do celular está apontando para indicar os melhores resultados.

Se você estiver viajando para a Itália, por exemplo, e buscar por “pizzaria”, é provável que o Google vá indicar locais na região em que você está, não na sua cidade de origem, afinal, ele já identificou a sua localização. Deu pra entender um pouquinho? Isso é também uma ótima forma de atração de turistas para negócios locais.

Quem pode utilizar o SEO Local?

O SEO local é ideal para quem possui algum estabelecimento físico, como já citei acima. Se você possui um e-commerce, por exemplo, essa não é a estratégia mais indicada para o seu negócio.

Entretanto, se você tem espaço na cidade, você pode iniciar o SEO Local para seu comércio. Aqui, podemos estender para um grande número de negócios, como por exemplo:

  • Lojas de roupas
  • Cafeterias
  • Bares
  • Hotéis
  • Cinemas
  • Teatros
  • Casas noturnas
  • Salões de beleza
  • Barbearias
  • Escolas
  • Hospitais
  • Consultórios
  • Farmácias
  • Restaurantes
  • Estacionamentos

E muito mais.

Benefícios do SEO Local para o seu negócio

A partir do momento em que o Google identifica o seu local como resultado relevante, você será exibido mais vezes quando alguém procurar pelo seu segmento na região, cidade e bairro.

Com as pessoas encontrando o seu local com maior facilidade, você tem muito mais vantagem competitiva em relação aos concorrentes.

Com mais visibilidade, o seu negócio também passa a ser mais conhecido entre os próprios moradores da região, podendo receber mais visitas e converter em mais oportunidades de vendas.

De acordo com uma pesquisa do Think With Google, 76% das pessoas que fazem uma busca local no smartphone visitam o negócio em até 24 horas e 28% das buscas resultam em venda. Legal, né? Além disso, ao aparecer nos primeiros resultados de busca, seu negócio também passa a ter mais credibilidade, não só entre os clientes, mas também no mercado como um todo. Isso também serve para que você possa conquistar novos clientes e estar sempre renovando a sua base de consumidores.

Como otimizar o seu SEO Local?

Existem alguns caminhos que facilitam a otimização do seu negócio frente aos buscadores. Aqui, vou dar algumas sugestões, anota aí:

1 – Tenha um site responsivo e deixe-o otimizado

2 – Invista na produção de conteúdo local e otimizado (como blog posts, por exemplo)

3 – Esteja cadastrado no Google Meu Negócio

4 – Mantenha atualizadas as informações de contato e endereço nas redes sociais

5 – Considere inserir seu negócio em plataformas de locais, como TripAdvisor, por exemplo

6 – Incentive clientes a avaliar e comentar no seu negócio no Google My Business

Gostou das minhas dicas para o sucesso do seu negócio? Fique à vontade para entrar em contato comigo e vamos juntos pensar na melhor estratégia para o seu estabelecimento.

Aproveito para te convidar a assistir ao vídeo 06 Dicas para ter um Site de Sucesso.