O que é Growth Hacking e como implementar em seu negócio?

growth_hacking

O crescimento é o maior objetivo almejado por empresas de todos os tamanhos. Mas, para atingir esse objetivo, são necessárias a união de diversos fatores como metodologia, equipe em sintonia e, claro, a mentalidade dos líderes.

Para além de estratégias e metodologias, existe o growth hacking, que vai de encontro com uma forma de pensar o Marketing Digital e que vem ganhando cada vez mais força por envolver e valorizar ideias e experimentos.

Você já ouviu o termo ‘Growth Hacking’ e quer saber mais como essa expressão, para que serve e como implementar no seu negócio? Então continue a leitura do artigo de hoje!

O que é Growth Hacking?

O Growth Hacking é uma nova forma de trabalhar estratégias visando o crescimento acelerado de uma empresa. Nesse conceito, adotam-se estratégias que combinam conhecimentos tradicionais de uma empresa, como o know-how técnico, e novos métodos e experiências em gestão de produtos, análise de dados e marketing digital para a rápida geração de ações mais certeiras para turbinar o crescimento.

Desenvolvida pelo fenômeno do marketing Sean Ellis, responsável pelo sucesso de empresas como Dropbox e Eventbrite, o Growth Hacking um marketing orientado a experimentos e, “ao testar ideias promissoras em ritmo acelerado e avaliá-las com métricas objetivas, permite que se descubra muito mais depressa que ideias têm valor e quais não tem” (ELLIS, 2017).

Como implementar no seu negócio?

Eu seu livro “Hacking growth: a estratégia de marketing inovadora das empresas”, Sean Ellis explica que, embora as formas de implementação das estratégias de Growth Hacking variem de empresa para empresa, há alguns métodos específicos que já podem ser trabalhados, como:

  •  criação de uma equipe multidisciplinar ou de uma série de equipes que rompam as barreiras entre os departamentos tradicionais de marketing e desenvolvimento de produtos e combinem talentos;
  • uso de pesquisas qualitativas e análise quantitativa de dados para entender a fundo comportamentos e preferências de usuários;
  • geração e teste rápidos de ideias e utilização de métricas rigorosas para avaliar resultados e agir com base neles.

É importante explicar que, embora comprovada a eficácia da disseminação do Growth Hacking e da facilidade da sua aplicação em quase todos os setores de uma empresa, não há um guia definitivo, confiável e detalhado para orientar todas as empresas de todos os portes sobre como conduzir esse processo. Ou seja: as estratégias utilizadas por Ellis para conduzir o marketing da Dropbox podem não ser as ideias para o seu negócio, mesmo que você tenha uma empresa grande.

Por que fazer Growth Hacking?

Com a publicidade tradicional tendo a sua eficácia questionada (afinal, quem garante que você vai conseguir impactar positivamente centenas de pessoas com uma propaganda veiculada na televisão ou no rádio?), o marketing digital passou a ser o meio ideal para atingir o nicho de interesse, com poucos, mas, eficazes investimentos.

E é aqui que o Growth Hacking entra. Com cerca de 4,9 bilhões de pessoas usando a internet e impulsionados pela emergência sanitária, só nos últimos dois anos centenas de negócios online cresceram, e empreendedores com lojas físicas de diversos segmentos se viram na urgência de adaptar os seus negócios para o mundo digital.

Sabendo disso, podemos compreender que o Growth Hacking é a resposta para essa necessidade de urgência em um mercado cada vez mais competitivo e em constante transformação.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o Growth Hack, entre em contato comigo!

Juntos, vamos elaborar um conjunto de estratégias ágeis e eficientes para o crescimento da sua empresa.

A importância do planejamento de marketing

planejamento de marketing

Você percebe que seu negócio não vai muito bem, as vendas não crescem e parece que você não tem a visibilidade que precisa? Talvez esteja faltando um ponto essencial para o sucesso do seu empreendimento: o planejamento de marketing.

No artigo de hoje, vou falar da importância desse planejamento para a sua empresa, além de algumas dicas essenciais para uma estratégia eficiente. Vamos lá?

O que é planejamento de marketing?

O planejamento é um conjunto de estratégias, fruto de muito estudo, para posicionar uma empresa no mercado, visando destacá-la perante a concorrência, além de conter um conjunto de ações para atingir o público alvo certo, com os produtos e serviços certos.

Qual a sua importância?

Como falei acima, o planejamento tem como objetivo posicionar e destacar a sua empresa no mercado. Mas de que formas isso acontece? Com estudo e pesquisa.

É a partir disso que é possível reconhecer pontos fortes, fraquezas, definir público-alvo, criar personas, analisar a concorrência, fazer benchmarks e coletar dados de mercado para perceber ameaças e identificar oportunidades.

Alguns exemplos de ações a partir do planejamento de marketing:

  • Escolher os melhores meios para as ações. Canais como redes sociais, e-mail marketing, site, blog, etc
  • Análise de métricas e resultados para elencar os erros e acertos
  • Posicionar a empresa no mercado, definindo objetivos e metas possíveis dentro de um determinado prazo
  • Coleta dados para entender melhor seu público-alvo (desejos, gostos, o que esperam do seu produto ou serviços, o que consideram antes de fechar um negócio, entre outros fatores)
  • Análise de ameaças (seja da concorrência, do próprio mercado, etc)
  • Identificar tendências e possibilidades

Alguns passos para um planejamento de marketing mais eficiente

Antes de tudo, é preciso compreender que esse planejamento não pode ser feito de qualquer forma. Esses estudos demandam tempo, paciência e muita seriedade. Portanto, prepare sua equipe para esse trabalho e elenque os principais tópicos a serem analisados: público-alvo, mercado, concorrência, pontos fortes e fraquezas.

Defina quem é o seu principal cliente: para quem eu estou vendendo ou oferecendo esse serviço? Quem se interessaria em fechar negócio comigo? Qual o perfil dessa pessoa?

A partir dessa primeira análise, é hora de investigar a concorrência. Veja quem são os seus concorrentes diretos, seus pontos fortes, suas estratégias, seus diferenciais e, a partir dessa coleta de dados, fica mais fácil saber o que fazer para atrair o mesmo público.

Depois de analisar o ambiente em que você está inserido, vamos aos meios de comunicação. Quais os canais ideais para você passar a sua mensagem e mostrar quem você é? Que tipo de comunicação você deve estabelecer nesses canais? Você é mais formal ou informal?Seu público é mais velho ou mais jovem?

Vejam, por mais simples que pareça, cada um desses pontos faz toda a diferença na hora de traçar uma estratégia. E é sempre bom lembrar que a estratégia pode não funcionar de forma imediata. Por isso sempre falo que um bom planejamento é feito por tentativas. Erros serão cometidos (mas nada tão grave que possa prejudicar a sua imagem, ok?) – um anuncia que não foi bem executado, uma publicação que não trouxe o engajamento necessário, entre outras possibilidades.

Por isso, não desanime! E conte comigo para a construção de uma estratégia de marketing eficiente. Entre em contato e vamos fazer a sua empresa crescer!

3 passos para o seu negócio sair na frente da concorrência

concorrencia_empresarial

Para fazer a sua loja virtual ter sucesso, o primeiro passo que você precisa entender é o seguinte: a web é um mar de possibilidades. Com ela, você tem acesso a uma rede inesgotável de usuários, que podem, caso sejam cativados, se tornar novos e-shoppers. Neste artigo, vou te explicar, de forma objetiva, 3 passos preciosos para você sair na frente da concorrência. Vem comigo!

Não deixe de conferir: Vale a pena investir no Reels do Instagram?

3 passos para o seu negócio sair na frente da concorrência

Invista em uma produção de conteúdo de qualidade

Antes de oferecer o seu produto, você precisa conquistar seu possível consumidor. Para tal, crie um blog para o seu e-commerce, publique, com consistência, conteúdos que podem ajudar o seu usuário a entender melhor o seu nicho de mercado. Mostre que você se importa com ele — isso vai fazer a diferença no seu negócio.

Se você precisar de ajuda para fazer isso, eu tenho uma sugestão mega importante: a Projetual – empresa em que atuo como CEO – é especialista em produção de conteúdo para web. Todos os profissionais são escolhidos a dedo por mim e sabem produzir conteúdos sobre marketing digital e marketing de conteúdo como ninguém.

Assista também: Como escolher o Influencer certo para meu negócio?

Deixe seus canais digitais atrativos para que os usuários achem o seu negócio atrativo

Boa redação, layout atrativo e uma identidade visual coerente é essencial para fazer com que o internauta crie interesse pela sua loja virtual e queira saber mais sobre o seu negócio.

Além desses critérios, a pesquisa é um elemento essencial para o sucesso do seu negócio. Afinal, você vai precisar pensar na jornada de compra do seu usuário e elencar elementos que provoquem uma melhoria considerável neste percurso.

Tenha um atendimento personalizado

Para ter sucesso em seu negócio, você também vai precisar de um atendimento personalizado. Encontre formas para ajudar o seu cliente a sanar todas as dúvidas dele. Muitas vezes, um trabalho de escuta ativa pode fazer a diferença para você não perder a venda (ou o cliente).

Monitorar sua marca é essencial para ajudar seus clientes, reconhecer erros e até mesmo prevenir crises.

Além do mais, saber o que acontece nas plataformas digitais do seu negócio pode ser uma excelente alternativa para que você possa entender se sua empresa está conseguindo manter a comunicação efetiva com seus clientes. Lembre-se: uma escuta ativa pode ser a chave para que o seu negócio saia na frente da concorrência.

Quer ler mais conteúdos como este? Acompanhe o meu blog, toda semana, eu publico conteúdo atualizado para você entender mais sobre Marketing e Digital. Ficou com alguma dúvida? Entre em contato com a gente, estou aqui para te ajudar.

Uma liderança inspiradora pode fazer a diferença em sua empresa

lideranca

Nem sempre a remuneração é o motivo principal para que as pessoas escolham um trabalho. Estar num espaço que incentiva a diversidade, com pessoas que apoiam a liderança e o bem-estar dos colaboradores também são peças que vêm se tornado, cada vez mais, fundamentais para o sucesso de uma empresa. Neste artigo, vou falar sobre liderança inspiradora e como estimular este comportamento no ambiente organizacional. Venha comigo!

Não deixe de conferir: O digital pode te ajudar a superar crises

Uma liderança inspiradora pode criar novos líderes

A motivação é a peça-chave para conquistar confiança, engajamento e resultados positivos. E, para fazer isso, você precisa investir na capacitação de líderes capazes de inspirar confiança e também criar novos líderes e oportunidades.

Ao longo da minha carreira na área de comunicação, já vi muitos empresários investindo fortemente em marketing digital e em uma comunicação externa bem estruturada. Mas isso só funciona quando a comunicação interna também colhe bons frutos.

Lembre-se: o seu primeiro cliente é o seu colaborador, é ele quem vai falar (com muita propriedade) sobre a cultura organizacional da sua empresa, por isso, investir num ambiente saudável e justo é essencial para a imagem da sua organização.

Além do mais, é preciso pensar no seguinte: sua empresa é feita de pessoas. São os colaboradores que farão o sucesso (ou fracasso) da sua organização, por isso, é extremamente importante estimular os pontos fortes da sua equipe. Você sabe como ajudar o seu time a desenvolver suas forças?

Como despertar o melhor da sua equipe?

Empatia, coragem, reconhecimento e assertividade são pontos-chaves que os líderes devem ter no relacionamento com os liderados. Quem deseja despertar o melhor de uma equipe deve estar atento para as necessidades dela.

Um líder inspirador é aquele que motiva as pessoas a liderarem e se tornarem protagonistas em suas redes. Quando a pessoa se sente motivada, ela entende que faz parte da cultura de uma empresa e, com isso, busca entregar o seu melhor para a organização.

Para despertar o melhor da sua equipe, um ponto importante é o feedback. Uma avaliação positiva pode mostrar a pessoa que ela está seguindo o caminho certo.

Quando o feedback é feito da maneira correta, tanto o líder quanto o liderado ganham com isso. Mas é importante ter em mente que o feedback não se resume apenas em apontar erros ou fazer elogios. É muito mais do que isso, trata-se de um retorno honesto, pautado em fatos e ações. Para isso, você precisa observar sua equipe com cautela e entender como você pode guiá-la para o sucesso.

Pessoas motivadas e engajadas trazem resultados positivos

Muitos empreendedores me procuram porque desejam que suas empresas tenham uma marca forte e sólida no mercado. Mas isso só acontece quando a empresa tem uma base sólida. Quando um time dá o seu melhor, os resultados também são melhores, por isso, dê feedbacks periódicos, invista em um ambiente saudável, estimule a troca e a colaboração em sua empresa.

Gostou do que leu e precisa de ajuda para criar um plano de comunicação forte que englobe aspectos da comunicação interna e externa? Entre em contato comigo. Além de uma consultoria, posso te ajudar a criar as melhores estratégias para o seu negócio se tornar referência em seu nicho de mercado.

4 passos para motivar minha equipe em momentos de crise

motivacao

Já falei por aqui sobre como empresas podem se tornar resilientes, mas agora o nosso papo é como você pode ajudar seus colaboradores criando um ambiente ideal. Se você já se perguntou “como motivar minha equipe?” esse texto é pra você. Bora lá?

Liderança inspira confiança

Para enfrentar crises, mais do que nunca, sua empresa precisa investir numa liderança inspiradora. Ao longo da minha carreira na Comunicação, percebi que a motivação é peça chave para conquistar confiança, engajamento e resultados positivos.

Muitas vezes, as empresas investem em comunicação externa, mas esquecem de olhar para dentro das empresas. Você sabe me dizer quem são as pessoas que compõem o seu time? Como estão essas pessoas? Quais são as suas dores? Como você pode ajudá-las a desenvolver seus pontos fortes?

Lembre-se: são seus colaboradores que vão realizar, grande parte, dos serviços da sua empresa. Manter um bom relacionamento com eles é essencial para construir uma marca sólida.

Leia também: Metodologia ágil: o que é e como ela tem ajudado empresas

Como motivar minha equipe?

É possível responder essa pergunta indicando 4 passos: empatia, coragem, reconhecimento e assertividade. Respeito e admiração formam uma liderança inspiradora.

Empatia

O primeiro passo é ter empatia, se um colaborador, sem motivos explícitos, começou a ter um desempenho inferior ao que ele entregava, pode ser sinal que algo não está bem com ele.

Este é o momento certo para você abrir espaço ao diálogo, uma boa comunicação é aquela em que as duas partes podem falar sem medo. Escolha as palavras certas, mostre como sua empresa se preocupa com a sua equipe.

Encoraje novas lideranças

Um líder inspirador é aquele que motiva as pessoas a liderarem e se tornarem protagonistas em suas redes de conexão. Quando a pessoa se sente motivada, ela entende que faz parte da cultura da organização e, com isso, busca entregar o seu melhor para a organização.

Reconheça seus colaboradores

Muitas vezes, um feedback positivo pode mostrar a pessoa que ela está seguindo o caminho certo. No meu ponto de vista, um dos grandes erros dos gestores é quando eles apontam apenas as falhas dos colaboradores, isso torna o ambiente de trabalho insustentável a longo prazo.

Saiba criticar com respeito

Apontar erros e falhas não é uma tarefa fácil. Uma palavra errada pode desmotivar completamente o seu colaborador e desencorajá-lo em seu trabalho. Quando for fazer uma crítica, lembre-se de fazer isso num espaço privado. Nada de expor a pessoa em público, hein.

Seja assertivo, compreensivo e mostre-se disposto a entender o que aconteceu e também compreender como você pode ajudá-lo a melhorar. Motivar sua equipe é uma tarefa diária e exige acolhimento, cuidado e clareza.

Por que é importante motivar minha equipe?

Muitos empreendedores me procuram porque desejam que suas empresas sejam bem-vistas no mercado. Mas isso só acontece quando a empresa tem uma base sólida. Lembre-se: o seu colaborador é o seu primeiro cliente, quando ele não se sente bem no ambiente de trabalho é sinal que algo precisa mudar na cultura da empresa.

Quando um time dá o seu melhor, os resultados são melhores. Isso é bom tanto para os colaboradores quanto para a empresa.

Quer mais dicas como essa? Fique de olho aqui no blog, toda semana tem conteúdo novinho para você. Se ficou com alguma dúvida, entre em contato comigo.